Sou Carlos Alberto Yates, técnico em mecânica. Nasci em março de 1958 e sou estudioso da Doutrina filosófica Racionalismo Cristão.Tenho grande interesse em assuntos que envolvam UFOs e agroglifos pois consigo fazer uma interação entre estes assuntos e a Doutrina que professso. Pesquiso e retiro dados dos seguintes sites: Livros Racionalismo Cristão 43ª edição e A Vida fora da Matéria; Lucy Pringle; UFOLOGIA-Brasil.

Sinais da evolução que nos Contata - Por Carlos Alberto Yates

Fonte: Lucy Pringle
Caros amigos entendo que, a par de tantos avistamentos de UFOs, existem os que são matéria e os que são frutos da condensação do éter por forças naturais(espíritos), ou seja, são corpos fluídicos sem consistência material densa, não são feitos de matéria atômica.

Desde 1995 quando estudei pela primeira vez os círculos de cereais da Inglaterra senti algo que dizia estar ali, realmente implícita, uma mensagem dirigida a nós, e falando-nos de nossa situação em relação aos acontecimentos que estariam para vir em decorrência da evolução, material e moral que atinge a todos os planetas que tem vida e também a todos os seres que habitam este nosso universo.

Vejam que "cereal" em inglês tem um som semelhante à palavra "serial" também em inglês. Ou seja, segundo o cientista brasileiro Antônio Pinheiro Guedes (no seu livro Ciência Espírita), do início do século XX, existem no Universo ordens ou séries de mundos, de seres e fatos. E os seres que constroem estes círculos nos campos de cereais querem que saibamos destas realidades naturais e imutáveis; as séries de espíritos que habitam as séries de mundos, estando estes em diferentes graus evolutivos, localizados em nossa galáxia e também em outras.

Sou um pesquisador independente, sou estudante dos fenômenos da vida e o que coloco aqui não é a posição oficial da querida Doutrina a qual tanto prezo. Digo isto para que, qualquer crítica ou comentário que se fizer a respeito das idéias aqui exaradas, sejam dirigidas, única e exclusivamente, a minha pessoa, que chegou a estas conclusões pelo estudo e observação profundos, criando uma teoria onde se encaixam os conhecimentos da Doutrina Racionalista Cristã e as mensagens nos campos inglêses, bem como outros fenômenos semelhantes.

Então amigos, temos que o RC nos coloca que existem no universo uma categorização de mundos que se ordenam segundo a suas atmosferas psíquicas. Ou seja: mundos-escola(iguais ao planeta terra, que são uns dos menos evoluidos); mundos-densos, ou materializados; mundos-opacos; mundos-Intermédios ou Brancos; mundos-Diáfanos e mundos-de Luz Puríssima. Até aí são seis categorias de planetas. Mas temos um sétimo planeta que é o planeta primitivo, que emergiu do universo e que irá substituir o nosso planeta na esteira evolutiva pois este já está com um bom grau de adiantamento e não permite mais que povos primitivos (ou seja espíritos reencarnantes das cinco primeiras categorias) tenham condições de fazer seu aprendizado (evolução) em contato com meio ambientes mais rudimentares e selvagens.

Tendo observado que em muitos dos desenhos dos círculos inglêses aparecem constantemente quantidades de círculos como 6, 7, 11, 17, 18, 33 etc.. alguns se tornaram de fácil descoberta para mim visto poder relacioná-los com a quantidade de classes espirituais e de mundos em evolução, talvez mesmo nesta galáxia. 6 é uma clara referência ao mundo-escola, do tipo Terra. Pois vejam que 7 é o nº de categorias de planetas. 11 é a quantidade de atributos espirituais que viemos desenvolver através de reencarnações, sendo esta uma lei universal, 17 é a quantidade das primeiras classes que evoluem aqui na terra, pois a partir da 18ª classe evolue-se, como espírito, livre do corpo físico, nos mundos mais evoluídos. E 33 é a quantidade de classes espirituais que ainda evoluem em mundos dispersos por este universo.

Sei que isto não é fácil para quem está lendo isto pelas primeiras vezes, mas são informações corrigueiras para mim que estudo esta Doutrina desde 1970. Por exemplo, temos no livro “Racionalismo Cristão” que o 8º atributo que o espírito vem aqui na terra reencarnar para desenvolver é a lógica. Todos sabemos que o símbolo do infinito pode ser considerado como o nº 8 deitado. Pois bem, se olharmos o infinito veremos a lógica, pois o universo é composto e mantido por leis lógicas, imutáveis e naturais. Será apenas uma "coincidência" o atributo do espírito, a lógica, estar relacionado como o oitavo, sendo que esta é inerente ao Todo e sendo ao mesmo tempo o "8" o símbolo do infinito? Um outro fator que podemos mencionar é que: se existem 7 categorias de planetas para os espíritos evoluirem e habitarem, a oitava "morada" de um espírito depois que evoluiu nestas sete anteriores é a Inteligência Universal, ou seja onde existe a lógica absoluta.

Agora para finalizar: no dia 8/08/2008 foi desenhado pelos aliens um nº 8 enorme. É a lógica! A lógica da evolução em constante movimento no universo. No centro deste "8" temos 3 círculos grandes e mais 8 círculos pequenos, que somados perfazem o total de 11 círculos! Está aí uma clara referência aos 11 atributos do espírito. Se contarmos os círculos que perfazem cada uma das duas “argolas” do grande 8 vamos ver que somam 21 cada uma, mais 21 mundos externos e 21 mundos internos às argolas, num total de 84. Então como em outros desenhos que tive a oportunidade de estudar, verifiquei que existem três ordens ou três séries de planetas, ou seja 3 de 7 tipos de planetas cada atreladadas. Então se o número chave do grande 8 pode ser considerado o 3, vamos ver que 21 divididos por 3 = 7 ! Sete planetas (pois somos o sexto, e vamos contatar, com a tecnologia aeroespacial dos aliens, o 7º (planeta primitivo) Agora que sabemos que 3 é o nº chave(pois a meu ver existem três séries de planetas que evoluem atreladas), então 11 (quantidade dos círculos centrais) x 3 = 33! São as trinta e três classes espirituais existentes! Entendo que temos como aplicar esta “chave” para descobrirmos mais coisas destas mensagens .

Entendo ser perfeitamente racional que busquemos um entendimento da missão que querem desempenhar estes visitantes do espaço junto a nós pois na filosofia Racionalista Cristã quem pode ou sabe mais ajuda quem pode ou sabe menos. Eles estão nos propondo a paz e a cooperação, assim como fazem os espíritos Superiores que descem de seus mundos astrais evoluidíssimos para assessorarem as reuniões nas casas RC. Estão, estas mensagens, nos fazendo pensar e muito, pois para aprendermos não podemos receber a lição prontinha dos mestres, temos que aprender o que nos ensinam e mais, temos que desdobrar as lições que nos passam.

Tenho certeza de que quando estivermos prontos, conscientes de que somos todos, eles e nós, feitos de força(espírito) e matéria(corpo físico) eles farão um contato mais próximo, pois são nossos irmãos em essência, são espíritos animando um corpo físico como nós seres humanos e vão necessitar de que assumamos algumas funções que envolvem maior necessidade de tecnologia e moral além de ser exigida uma maior espiritualidade.

A terra está a caminho de transformar-se em um mundo de 5ª ordem ou seja um mundo materializado ou denso, e com isso tornar-se-à apta a enviar espíritos da 1ª à 5ª categoria à um planeta mais atrasado. Encaro com naturalidade a existência de várias raças em mundos vários pelo universo, pois na terra não existem raças diferentes co-habitando? E não foram muitas destas raças tornando-se conhecidas com o passar dos tempos? Então seguindo esta lógica, o universo que é infinito, deve conter muitas raças a aproveitarem a possibilidade de vida concedida pelo Criador, não é mesmo? Como vamos ser tão egoístas e irracionais a ponto de pensarmos que somos os únicos a habitar este infinito cosmos?

Portanto se estamos sendo contatados é por seres que detêm tecnologia e moral suficientes para poderem viajar pelo espaço e não levar aos lugares onde chegam nenhum maleficio quer de ordem material ou moral. São seres respeitadores e respeitam a vida do universo, tanto é que estão chegando devagarinho, naturalmente, esperando que os notemos, que assimilemos a sua discreta e insinuante presença.

Se analisarmos estes contatos sob a ótica da evolução vamos chegar a conclusão que, estes seres que estão nos apresentando seu "cartão de visitas", em seu milenar passado também foram visitados por outras raças diferentes deles, e viveram por conseguinte todo este processo de descoberta e expectativa. E assim como receberam um aporte de conhecimentos, com um respectivo salto em suas ciências, vêm, hoje, junto a nós, cumprir a sua missão de progresso, ofertando-nos gratuitamente o que receberam também gratuitamente, de outro planeta mais evoluido, que por força desta evolução abandonava já tarefas que não condiziam com seu novo patamar de evolução. Algo que também faremos quando chegar a época própria para nós. Por enquanto vamos, acredito, receber aporte tecnológico para chegar ao novo planeta mais primitivo e passar a estudá-lo e, como fizeram outrora com nosso planeta, planejar a sua evolução.

Não tenhamos medo, deixemos estes complexos de "Independence Day" para aqueles que gostam de filmes de ação. Percebemos que o desenho se situa entre 7 trilhas de trator e 6 faixas de cereal plantado, de onde concluímos mais uma mensagem ou seja, as trilhas de trator por serem em 7 e mais finas representam os mundos primitivos mais atrasados do que os mundos escola classe 6 representados pelas 6 faixas de cereal plantado.

Como a vida é Força e matéria, ou seja, tecnologia e filosofia temos o equilíbrio do grande “8’ nas duas “argolas” pois vejam que enquanto as 3 séries de 7 tipos de planetas estão numa situação representada pelos círculos temos, representada pelos traços uma situação, também ideal, que ainda não foi alcançada, no lado de dentro dos círculos e na outra “argola” a situação é inversa. Ou seja enquanto 3 séries estão à frente em tecnologia por exemplo as outras 3 séries estão á frente em matéria de filosofia ou estudo da Força. E em cada “argola” predomina um dos aspectos, ou seja, o representado pelo mais externo que numa “argola” são os traços e noutra são os círculos. Então vemos que o deslocamento evolutivo dos mundos é tipo uma onda, o que nos lembra a dualidade onda- partícula da física quântica.

As 3 séries mais evoluídas de cada uma das “argolas” são as representadas pelos círculos e como podemos ver numa “argola” elas estão no auge da filosofia e na outra “argola” as outras 3 séries estão no auge da técnica. Como podemos perceber uma família ou série de mundos contem 7 tipos deles. Mas os mundos se relacionam, espiritualmente, como se os membros de uma família fossem mais próximos dos seus amigos do que propriamente dos seus familiares. Ou seja relacionam-se por afinidade que vai estreitando-se à medida que se aproximam do grau de evolução ora do mundo que vai acima ora do mundo que vai abaixo na hierarquização.

Essa família e “amigos” são formados na realidade pelas 3 séries ou famílias de 7 tipos de mundos que evoluem atreladas mais proximamente. Então temos agrupados os 3 mundos primitivos, depois temos os 3 mundos escolas, etc. E além disso temos as outras 3 séries no total de 6 séries por “argola” do grande “ 8”. Mais adiante veremos que as famílias ou séries de mundos podem também conter 6 tipos de mundos. Notemos também que este agroglifo foi construído 7 anos após a grande formação de Milk Hill, que nos apresenta a descoberta dos mundos primitivos pelos mundos escola na devida época.

Sinais da Evolução que nos Contata
Por Carlos Alberto Yates