Sou Carlos Alberto Yates, técnico em mecânica. Nasci em março de 1958 e sou estudioso da Doutrina filosófica Racionalismo Cristão.Tenho grande interesse em assuntos que envolvam UFOs e agroglifos pois consigo fazer uma interação entre estes assuntos e a Doutrina que professso. Pesquiso e retiro dados dos seguintes sites: Livros Racionalismo Cristão 43ª edição e A Vida fora da Matéria; Lucy Pringle; UFOLOGIA-Brasil.

A grande medusa - Por Carlos Alberto Yates


Estudo 18 - Agroglifo encontrado em Waylands Smithy- Oxfordshire, Inglaterra, em maio de 2009.

Vemos bem claramente nesta grande “medusa” que existem 6 filamentos de um lado e outro do filamento central no qual estão representados 7 círculos ou planetas, sendo que estes estão representados em ordem crescente em direção ao corpo da medusa.
Fonte: Lucy Pringle
Do planeta mais ínfimo sai também um filamento querendo dizer que possivelmente existam outros planetas mais atrasados ainda em construção, coisa que é perfeitamente possível pois a evolução não pára e existe a necessidade contínua de criar-se mundos para evoluir partículas tanto do reino mineral quanto do vegetal e dos animais quer sejam racionais ou irracionais.


Como existem 7 filamentos ou tentáculos e existem 7 categoria de mundos podemos deduzir que cada filamento dará origem a uma série de planetas, onde, poderíamos dizer, com a colonização do 7º planeta o planeta de Luz Puríssima deixaria de existir, tomando o seu lugar o planeta Diáfano, e passando o planeta primitivo a condição de planeta escola e onde um novo planeta primitivo já seria disponibilizado no universo para dar seqüência a marcha evolutiva.

Temos no corpo principal da medusa 4 círculos transversais aos 7 filamentos. Estes 4 círculos estão bem juntos e podem ser interpretados como sendo 2 vezes o número 8.

Se compararmos este desenho a um organograma vamos ver que a parte de cima que comanda as sete partes de baixo é de um estágio mais avançado e por isso é o oitavo lugar.

No livro Racionalismo Cristão temos que o 8º atributo do espírito é a lógica e onde esta lógica estaria melhor representada do que na Inteligência Universal, que é que afinal de contas quem comanda o universo?

Temos um outro aspecto que é: se somarmos os 7 círculos do filamento central com os 4 círculos transversais a estes filamentos que estão no corpo da medusa temos exatamente 11 que é o total dos atributos do espírito e que este vivencia um ciclo de muitas e muitas reencarnações para desenvolve-los.

Podemos observar que existem 7 círculos vazados que circundam os 7 círculos em seus interiores, e que no caso do 6º círculo este se mostra um pouco maior do que o do 5º círculo o que destoa da ordem apresentada, mas que entendo tenha o seu fundamento devido as atenções estarem voltadas ao nosso planeta pois estamos em vias de sermos contatados e recebermos missões para realizarmos, factibilizando o nosso progresso e de toda a ordem de planetas a que estamos unidos.

Se somarmos os 7 círculos do filamento central + os 8 círculos transversais a estes no corpo da medusa + as 12 “barras” semi-circulares na parte de cima do corpo da medusa e + os 6 filamentos laterais temos 33.

Segundo o livro Racionalismo Cristão existem 33 categorias espirituais que fazem a sua evolução trabalhando em mundos do universo antes de adentrar a Inteligência Universal.

Para mim estas duas informações se casam neste desenho da medusa. Se somarmos as 12 barras semi-circulares do corpo da medusa aos 6 filamentos laterais temos 18 que é uma referência à 18ª categoria espiritual onde o espírito abandona a necessidade de reencarnar para aprendizado.

Esta categoria espiritual é a 1ª categoria do mundo Diáfano.

Este agroglifo está compreendido entre 6 trilhas de trator e + 5 faixas de cereal plantado que somados perfazem 11 ou uma referência aos 11 atributos do espírito. Se contarmos em duplicidade as trilhas do trator temos 12 que somados às 5 faixas de cereal somam 17 numa referência às 17 primeiras categorias espirituais.

A Grande  Medusa

Por Carlos Alberto Yates